• Sem categoria

Aos 41 anos, o apóstolo Fernando Guillen morre de complicações Covid-19

O apóstolo Fernando Guillen, pastor da Igreja Batista de Lagoinha, faleceu aos 41 anos na madrugada desta quarta-feira (17), após complicações causadas pelo Covid-19.
Fernando recebeu o diagnóstico de coronavírus no início de janeiro e foi internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) por problemas respiratórios.
Com os pulmões comprometidos por Covid-19, ele foi intubado no dia 1º de fevereiro e teve que ser submetido a uma traqueostomia em 9 de fevereiro, que foi realizada com sucesso. Nos dias seguintes, porém, seu estado de saúde piorou e Fernando não resistiu.
O apóstolo enfrentou Covid-19 depois de vencer uma batalha contra um linfoma folicular, um tipo de câncer diagnosticado em outubro de 2019.
Em nota, a assessoria de imprensa afirma que o último ministério de Fernando foi sobre Eclesiastes 7, que diz: “Melhor é o bom nome do que um perfume muito fino, e o dia da morte é melhor do que o dia do nascimento. É melhor ir a uma casa onde há luto do que a uma casa em festa, porque a morte é o destino de todos; os vivos devem levar isso a sério! A tristeza é melhor do que o riso, porque o rosto triste melhora o coração “(Eclesiastes 7: 1-4).
“Naquela manhã ele nos ensinou que ‘a dor pode ser o ventre da grandeza, e que em todo processo de dor nos transformamos’. Acreditamos que viveremos uma grande transformação a partir dele. Acreditamos nas verdades que saem da boca desse profeta que marcou gerações, mudou não só a história da igreja, mas das sete áreas de influência da sociedade, e seu legado continuará a viver de geração em geração “, diz a nota.
O Apóstolo Fernando Guillen foi diretor do AC7ION Global Integration Center em Belo Horizonte, fundador do Convergence Coaching Program e CEO da Editora Se7e Montes. Ele também foi o criador do maior Seminário de Intercessão Profética da América Latina, com mais de 3 milhões de pessoas atingidas em 30 países, segundo a assessoria de imprensa.
Ele deixa sua esposa, Débora Guillen e sua filha, Sharon Guillen.
Repercussão
Os líderes cristãos lamentaram a morte prematura do apóstolo Guillen nas redes sociais. Um deles era o Pastor Felippe Valadão, líder da Igreja Lagoinha de Niterói: “Meu amigo, em dezembro estávamos sonhando muito juntos. Obrigada por tudo, nunca esquecerei tudo o que você fez por mim e todos os ensinamentos, o legado continua, estarei aqui irmão “.
A cantora Nívea Soares também lamentou a morte do apóstolo: “Ah Jesus! Eu mal posso acreditar. Às vezes não estamos prontos para os nós de Deus, mas aceitamos humildemente a sua vontade. Cremos na ressurreição dos santos para a vida eterna e aguardamos o dia do nosso encontro com Jesus e com os nossos entes queridos que já se foram “.
“Muito obrigado pelo seu legado, meu caro amigo! Aproveite o descanso do seu pai! “Disse o cantor Luiz Arcanjo. “Os meus sentimentos a toda família, um dia difícil para nós, que o Senhor console e fortaleça”, lamentou o cantor Marcelo Aguiar.
Veja também

Veja mais em Guia-me – Mundo Cristão

Comentários

comentários

Você pode gostar...