• Sem categoria

Evangélicos priorizam economia em vez de perseguição religiosa, diz pesquisa

É mais provável que os evangélicos se preocupem com o desenvolvimento da economia do que com questões tipicamente associadas ao engajamento político cristão, como liberdade religiosa e aborto, segundo uma nova pesquisa.
A LifeWay Research divulgou uma pesquisa, patrocinada pelo Comitê de Ética e Liberdade Religiosa (ERLC) da Convenção Batista do Sul, explorando as opiniões dos evangélicos americanos sobre política, sociedade e consumo de mídia.
A pesquisa foi realizada em novembro 2018 com 1.317 entrevistados evangélicos que identificaram três preocupações de políticas públicas que consideravam mais importantes.
A resposta primária para os evangélicos foi “assistência médica” (51%), “economia” (49%) e “segurança nacional” (43%). Apenas 33% dos evangélicos destacaram “liberdade religiosa” por uma questão de importância, enquanto apenas 29% destacaram “aborto”. Outros 4% citaram “direitos LGBT” como uma questão importante.
A descoberta pode ser uma surpresa, uma vez que líderes evangélicos influentes expõem regularmente suas posições sobre sexualidade e aborto.
“Nossos entrevistados nos surpreenderam com o pouco que pareciam se importar com causas estereotipadas evangélicas”, disse Paul Miller, professor da Universidade de Georgetown.
Pesquisas também sugerem que os evangélicos se preocupam menos com outras causas consideradas importantes para os cristãos, como oferecer assistência aos necessitados. Apenas 20% dos evangélicos consideram que “prover os necessitados” é uma questão de importância política.
“Os resultados deste projeto de pesquisa foram encorajadores, surpreendentes e, em alguns casos, muito indicativos”, afirmou o presidente da ERLC, Russell Moore, em comunicado. “O que esta pesquisa mostra claramente é que existem forças que separam a igreja uma da outra. Isso não deveria nos surpreender. Mas isso deveria nos convencer. “
Veja também

Veja mais em Guia-me – Mundo Cristão

Comentários

comentários

Você pode gostar...